sexta-feira, 16 de setembro de 2016

A vara de amendoeira ( Jr 1.11 e 12)

           
EM FINS de janeiro ou começo de fevereiro, muitos terraços nas encostas das colinas de Israel sofrem uma transformação dramática. Acordando de seu sono invernal, as amendoeiras ficam cobertas de flores. Sendo uma das primeiras árvores a florir, essa árvore em geral se destaca. Suas flores brancas e rosa enfeitam a paisagem invernal, fazendo lembrar das palavras de Salomão em Eclesiastes 12:5. Ali ele compara os cabelos brancos da velhice à ‘amendoeira que carrega flores.
Em vista da floração precoce da amendoeira, a palavra hebraica para amendoeira significa literalmente “aquele que desperta”. Assim, ela é usada na Bíblia em diversas ilustrações de peso. Por exemplo, o profeta Jeremias teve uma visão de uma vergôntea, ou ramo, de amendoeira. O que representava ela? “Mantenho-me alerta quanto à minha palavra, a fim de cumpri-la”, disse Jeová a Jeremias. (Jeremias 1:11, 12) Naturalmente, DEUS nunca se cansa nem dorme. Mas essas palavras enfatizavam seu desejo de terminar sua obra. — Isaías 40:28.
Séculos antes dos dias de Jeremias, um bastão de amendoeira em flor foi usado para identificar quem O ETERNO havia designado como sumo sacerdote. Um bastão representativo de cada uma das 12 tribos de Israel foi colocado diante de Jeová na tenda de reunião. Na manhã seguinte, o bastão de amendoeira de Arão não só havia florescido milagrosamente, mas também produzia amêndoas maduras! Esse bastão de amendoeira foi mantido dentro da arca do pacto por um tempo como sinal para a nação, para que nunca mais murmurasse contra os representantes de Jeová, designados por ele. — Números 16:1-3, 10; 17:1-10; Hebreus 9:4.
O SENHOR quis que representações das belas flores de amendoeira embelezassem o candelabro de ouro de sete braços que iluminava o Santo do tabernáculo. Segundo a descrição registrada por Moisés, “três cálices em forma de flores de amêndoa estavam num grupo de hastes, alternando-se botões e flores; e três cálices em forma de flores de amêndoa estavam no outro grupo de hastes, alternando-se botões e flores. Assim era com as seis hastes que saíam do candelabro. E no candelabro havia quatro cálices em forma de flores de amêndoa, alternando-se seus botões e suas flores”. — Êxodo 37:19, 20.
Embora a Bíblia faça poucas referências à amendoeira, ela chama nossa atenção às suas belas flores brancas e à sua floração precoce. Essa bela árvore nos lembra, acima de tudo, de que Jeová não descansará até que tenha realizado o seu propósito. — Isaías 55:11.

 ( EXTRAÍDO DE : JW.ORG)